Home - Sobre - Newsletter - Contato - Anuncie - Comprar Fotos

www.belapauliceia.com.br - Tudo sobre São Paulo 

SP Economia Mundial Paulicéia Artes Ciência e Cultura Gastronomia Arquitetura

Busca:

  SP Economia Mundial

  Paulicéia

  Artes Ciências Cultura

  Gastronomia

  Arquitetura



 



  Institucional
  Fale Conosco
  Clima Tempo
  CET

Publicidade

Sweet Brazil chocolates
Além de um design diferenciado, trazem o sabor de um blend criado pela chocolatiére Paula de Lima Azevedo, baseado em cacaus D.O.C. (com indicação de origem) - o nosso ChocDoc.
 

 Design e deleite em chocolates construídos com cacau D.O.C.

Sweet Brazil chocolates
 
A nossa marca é o design e o deleite. Por isso nas nossas duas filiais você encontra delícias que complementam os vários momentos do dia.
 
ChocDoc: a origem de nossos chocolates
Como os vinhos, como o café, o cacau carrega uma história fantástica na alimentação da humanidade. Ele é o Theobroma cacao do latim, o manjar dos deuses, e foi primeiramente descoberto pelos maias do México na  América Central. Com a chegada dos espanhóis no novo mundo, o cacau fascinou o europeu e se transformou em alimento dos mais apreciados no mundo.
 
A Sweet Brazil trabalha com os melhores cacaus do mundo, em várias intensidades de pureza. Quanto mais cacau, mais amargo e classudo o chocolate – República Dominicana, Equador, Peru, Venezuela, Costa do Marfim: cada origem traz para o chocolate uma característica de sabor. São os cacaus de terroir, com identidades bem definidas.
 
Paula de Lima Azevedo trabalha com muitas origens, mas tem em sua linha de frente um blend que agrada ao gosto do brasileiro: suave, com toques de mel e que derrete na boca.
 
A Sweet Brazil
A Sweet Brazil nasceu em 1986, em São Paulo, com o compromisso de criar chocolates que encantam os sentidos. Por isso as várias coleções criadas anualmente enchem os olhos e dão água na boca: além de um design diferenciado, trazem o sabor de um blend criado pela chocolatiére Paula de Lima Azevedo, baseado em cacaus D.O.C. (com indicação de origem) – o nosso ChocDoc. Ou seja: cacaus que, como os vinhos, trazem características de sabor típicas das terras onde são cultivados, num blend exclusivo criado por Paula.
 
Tendo sempre trabalhado no segmento luxo – fazendo uso das mais nobres matérias-primas – a Sweet Brazil se diferenciou nesses anos pelo design e criatividade. Sabendo fazer das combinações uma arte: para ver e devorar.
 
Depois de passar alguns anos em um endereço na rua da Consolação, onde tinha uma pequena loja / fábrica, Paula antecipou tendências mudando-se para um espaço maior na Vila Olímpia. O ano era 1996. Ali a Sweet Brazil organizou um espaço produtivo sem portas abertas para o grande público. Em dezembro de 2005, um novo passo: a Sweet Brazil inaugurou uma loja e um café gourmet para a degustação de seus produtos no endereço de sua fábrica. No coração da Vila Olímpia.
Junto com a loja, um charmoso café com bolos e lanchinhos rápidos onde se pode sentar e ver o vai-e-vem desse bairro que cresce a cada dia em movimento.
 
 
Endereço
Al. Raja Gabaglia, 155
Vila Olímpia, São Paulo, SP
Tel: +11 3842-0006
 
Segunda a sexta das 9h às 18h
 
E agora, em 2008, abriu para o público mais um espaço, de volta aos Jardins. A loja agora vem acompanhada - muito bem acompanhada - por um chocobar para todas as horas: café da manhã, almoço, chá da tarde e happy hour. O cardápio tem inspiração leve com pitadas de exotismo para você se deliciar.
 
Endereço
Al. Ministro Rocha Azevedo, 1153
Cerqueira César, São Paulo, SP
Tel. +11 3061-0299
 
Segunda das 12h às 21h
Terça a domingo das 10h às 21h
 
 
A chocolatiére 
Ex-publicitária, Paula de Lima Azevedo aos 25 anos já deixava para trás sua carreira de comunicação para expressar-se nesta doce arte dos chocolates. O ano era 1986.
 
“A Sweet já nasceu como uma fábrica de idéias, os clientes ligavam pedindo brindes e eu sempre inventava algo diferenciado”, lembra Paula. Seu trabalho sempre foi um exemplo de criatividade e apuro nas técnicas. A Sweet Brazil foi a primeira no país a criar formatos inusitados para seus chocolates, desde maços de rosas para devorar até bonecos e brinquedos de chocolates variados. As coleções temáticas, principalmente na Páscoa e no Natal, logo ficaram conhecidas.
 
Paula buscou nesses anos todos o aperfeiçoamento, seja criando sempre novos temas, seja desenvolvendo pinturas e efeitos especiais dados ao chocolate.
 
Hoje em dia, além de chocolatiére da Sweet Brazil, Paula divide seu tempo fazendo degustações e dando palestras pelo Brasil sobre as diferentes origens dos chocolates e suas características de sabor.

Orgânicos 
 
Na páscoa de 2008, inovadoramente, a Sweet Brazil trouxe o chocolate orgânico europeu, um chocolate social e ambiental, pelo compromisso que todo orgânico tem com a terra do cultivo e com as pessoas que nela trabalham. Ao trazer uma nova coleção com cacaus provenientes de agriculturas sustentáveis ambiental e socialmente, a Sweet Brazil trouxe um sabor de sustentabilidade, expresso em planetinhas de chocolate. O tema dessa coleção foi: “Coma chocolate, não coma o planeta”.
 
A partir do final de 2008 a Sweet Brazil conseguiu garantir para seus clientes esse chocolate 100%.  Sabor de proteção ao planeta. Para o deleite de todos.

 
 
Chocolates Corporativos 
A Sweet Brazil faz o que as outras fazem: uma linha corporativa tradicional e que valoriza a sua marca. Com uma grande diferença: originalidade. Além de qualidade a preços bem competitivos.

Mas também fazemos o que você nem imagina. Por exemplo: chocolates conceituais, como a coleção de planetinhas que conscientiza sobre a necessidade de olharmos por nosso planeta.
 
Ou ainda a coleção de árvores da Mata Atlântica, uma forma doce da sua empresa marcar e deixar uma mensagem.
 
Em criações exclusivas e temáticas, nós desenvolvemos arte e sabor para a sua empresa.
 
Para pedidos corporativos entre em contato pelo telefone +11 3842-0006 ramal 4 ou pelo e-mail sweetbrazil@sweetbr.com.br.
 
 
 
Clique aqui para mais matérias sobre Gastronomia.

 

 





Copyright - Todos direitos reservados a Bella Paulicéia.