Home - Sobre - Newsletter - Contato - Anuncie - Comprar Fotos

www.belapauliceia.com.br - Tudo sobre São Paulo 

SP Economia Mundial Paulicéia Artes Ciência e Cultura Gastronomia Arquitetura

Busca:

  SP Economia Mundial

  Paulicéia

  Artes Ciências Cultura

  Gastronomia

  Arquitetura



 



  Institucional
  Fale Conosco
  Clima Tempo
  CET

Publicidade

Praça das Bandeiras
 

                Praça das Bandeiras

                Reurbanização de três Largos formou a Praça

 

 

(Fonte: Coluna Passado e Presente (1993) Agência Estado)

No Séc. XIX a Praça da Bandeira era dividida por três córregos, o do Bixiga, o Saracura e o Riachuelo, por volta de 1940 os Largos foram reurbanizados e o atual nome da Praça oficializado em 1950. Abrigando hoje um dos principais Terminais de ônibus da Capital.

 

(Fonte: Bella Paulicéia )

 

Praça existente no Vale do Anhangabaú, junto ao início da Avenida 9 de Julho, início da Rua Santo Antonio, início da Rua Santo Amaro, início da R. Asdrúbal do Nascimento, final da Rua Riachuelo, e final da Rua do Ouvidor. Até 1968 não existia a Av. 23 de maio, e só quando da sua criação, uma grande remodelação foi feita, o que mudou muito sua imagem inicial.

 

Esta praça foi batizada em 1950 com o nome "Praça das Bandeiras" (no plural) já que lá existia um teatro chamado "Teatro de Alumínio" e ao seu redor ficavam os mastros das 22 bandeiras dos Estados do Brasil (nos anos 50 tinham 22 estados e 5 territórios). Por isso o nome certo da praça ser Praça das Bandeiras .

 

Em 1987 na gestão Jânio Quadros (1985-88) a praça foi remodelada, instalando ali um terminal de ônibus para a Região Sul e  foi erguida a comprida passarela saindo da Rua do Ouvidor, cruzando a av. 23 de maio, e com parada no centro do terminal, e seguindo, sobre a av. 9 de julho, até terminar no Largo da Memória e rua Quirino de Andrade.

 

Em 1993-96, na gestão do Prefeito Paulo Maluf (1993-96) o terminal de ônibus foi ampliado,ficando com o desenho atual, aumentando a passarela até as proximidades da Ladeira da Memória. 

 

Num "ímpeto" de patriotismo, a municipalidade lamentavelmente, sumiu com o passado da praça, menosprezou as bandeiras estaduais e instalou um enorme pedestal, de mau gosto, só com a bandeira brasileira; alterando assim, silenciosamente as placas da praça, para "Praça da Bandeira".

 

 

 

 
Clique aqui para mais matérias sobre Paulicéia.

 

 





Copyright - Todos direitos reservados a Bella Paulicéia.